Beer Trips/QNFM em UK

Pubs Londrinos (Parte I)

destaque_post

quenaofaltemalte_alewife 

Na idade média eram as mulheres – tomem nota, machistas de plantão – que produziam as cervejas na InglaterraAs produções caseiras e em pequena escala eram vendidas os trocadas por outros bens na própria casa destas cervejeiras.

 Como era muito comum que os clientes acabassem consumindo a cerveja ali mesmo, estes locais passaram a ser chamados de “ale houses” – perfeitos para socializar, passar o tempo livre ou fechar negócios. Estas verdadeiras casas públicas (ou Public Houses) são as precursoras dos nossos adorados PUBs.

 

Nada melhor que começar nossa saga cervejeira por Londres.

Minha primeira grande impressão me mostrou que para os ingleses, uma visita a um pub não é algo “vulgarizado” ou visto de forma pejorativa. Pelo contrário, estes estabelecimentos convergem diversos traços da cultura local ajudando a construir um senso de identidade. A mistura não poderia ser melhor: deliciosas cervejas, ambiente aconchegante e informal, gastronomia típica e muitas vezes música ao vivo e jogos esportivos.

quenaofaltemalte_dolphinpub

Corre, Bino! É uma cilada!

No entanto, minha crença que qualquer pub londrino seria incrível e tradicional foi frustrada logo na minha primeira tentativa. O The Dolphin Pub, localizado perto da bonita estação King’s Cross contava com uma mirrada oferta de cervejas de massa ao som de Britney Spears (triste!). Nada contra as velhas Lagers mas meu impulso de provar as deliciosas cask ales que tanto li nos livros de Garret Oliver e Michael Jackson (o jornalista, não o dançarino) falava mais alto. Drink up e vamos logo procurar outro lugar!

Não tardou muito até encontrar lugares incríveis e imperdíveis a qualquer cervejeiro. Separei o que considero os melhores pubs que visitei na cidade (Parte 1):

Fuller’s Ale & Pie/The Sanctuary House Hotel

Este pub localizado na base de um hotel serve boas casks ales da Fuller’s e excelentes opções de comidas típicas. Pedi logo uma Chiswick Ordinary Bitter, 3,5% (em Cask) para começar.

quenaofaltemalte_aleandpie

A cerveja chegou a mesa como eu imaginava: ligeiramente resfriada e com pouca carbonatação e formação de espuma. Estas características fazem com que alguns consumidores mais resistentes torçam o nariz mas, de fato, compõem o contexto ideal para degustar estas cervejas.

No nariz o aroma de lúpulos terrosos e frutados pareciam incrivelmente frescos enquanto o malte dava suas notas suaves de pão. Era possível sentir uma leve nota sulfurosa do fermento também. Na boca estes sabores explodiam de forma balanceada e harmoniosa. A primeira impressão é a que fica e para mim, estava bem claro que toda a fama e tradição das Cask Ales não era à toa.

Rua Tothill, 33

St James’s Park,

http://www.sanctuaryhousehotel.co.uk/

The Duke of Wellington

Dedicamos uma tarde para conhecer o Portobello Market, uma tradicional feira no bairro de Notting Hill que reúne comida de rua, frutas e vegetais, antiguidades de todas as espécies, artigos de arte e diversos outros tipos de colecionáveis.

quenaofaltemalte_portobelloroad

Avistamos o simpático The Duke of Wellington, um pub que carrega a bandeira Young’s e traz uma atmosfera mais informal. Uma boa mistura de janelas grandes (faz a diferença em um dia ensolarado) e uma staff bastante amigável.

quenaofaltemalte_dukeofwellington

No balcão boas opções em cask de cervejarias inglesas como Young’s e Meantime além de uma série de cervejas artesanais (em garrafa) do mundo todo como Sierra Nevada e Anchor.

Degustei uma Meantime Pale Ale (4,3%), cerveja com notas nítidas de lúpulo e amargor limpo e gostoso.

O pub oferece também boas opções de petiscos e almoço. Vale a visita.

179, Portobello Rd – Portobello

http://www.thedukeofwellingtonpub.com/

No próximo post: Conhecendo os Pubs Londrinos, Parte II

Outros posts da série Que Não Falte Malte na Terra da Rainha

1. Introdução: http://goo.gl/gP1Xll

2. Entenda o que são as Cask Ales http://goo.gl/gj6kXF

3. CAMRA: Saiba como 4 jornalistas ajudaram a preservar a cultura cervejeira do Reino Unido http://goo.gl/YzdgI2

4. Pubs Londrinos (Parte I)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s