QNFM em UK

Um passeio pela medieval York

destaque_post

Seguimos viagem de Londres rumo à York, no norte da Inglaterra.

Em pouco mais de 2 horas de viagem de trem é possível ver a mudança para uma paisagem mais bucólica e montanhosa. Para nossa surpresa (e alegria), a primeira experiência cervejeira da cidade já nos esperava na plataforma da estação:

The York Tap

quenaofaltemalte_york_quadro

Um imenso quadro de cervejas disponíveis (a maioria delas em Cask): já é possível inferir que York seria uma cidade interessante.

As mesas externas do pub são voltadas para a plataforma de trem, construindo um cenário no mínimo inusitado para curtir suas cervejas. A primeira pedida foi uma Bitter Californian, uma excelente e aromática American Brown Ale produzida pela Bristol Beer Factory.

quenaofaltemalte_york_californianbitter

Finalizamos a visita com a instigante Holy Cow, uma Milk Stout com adição de cramberry produzida pela Irkley Brewery.

quenaofaltemalte_york_tap2

The York Brewery

quenaofaltemalte_york_yorkbreweryDizem que toda grande cidade tem uma grande cervejaria. Exageros à parte, a York Brewery fez muito bem a lição de casa e oferece 3 boas opções regulares em Cask:

Guzzler (Uma Ordinary Bitter leve e frutada)

Yorkshire Terrier (Uma Premium Bitter mais encorpada e aromática)

Centurion’s Ghost Ale (outra premium Bitter, desta vez com cor rubí, notas tostadas e bom amargor). Pessoalmente, minha favorita.

A cervejaria oferece a opção de tour e um agradável pub próprio chamado Yorkshire Terrier.

York e seus Pubs Históricos

quenaofaltemalte_york_castelo

Por sua localização estratégica, York era uma cidade extremamente militarizada e fortificada. Sua paisagem é repleta de castelos, calabouços e histórias macabras de revoltas populares, reis depostos e batalhas sangrentas. Estranhamente, os guias locais parecem lidar melhor com estes fatos históricos que os turistas.

GOPR0319

Há uma curiosa fixação local por fantasmas e históricas de terror que pode ser vista na decoração de lojas e pubs. No final, as velas, correntes e grilhões pendurados na parede acabam um atrativo turístico com ar fanfarrão.

É possível cobrir grande parte do centro de York a pé, o que possibilita visitar diversos pubs históricos na mesma noite. Abaixo alguns dos lugares mais bacanas que passamos:

Fachada do Old White Swan: estrutura data do séc. XVI

Fachada do Old White Swan: estrutura data do séc. XVI

quenaofaltemalte_york_lemongrass

The Old White Swan: Lemon Grass, uma Pale Ale com capim-limão

quenaofaltemalte_york_guyfalkes

The Guy Fawk’s Inn, revolucionário natural de York que inspirou o personagem “V”

quenaofaltemalte_york_pubNo próximo post iremos a Edimburgo, capital da Escócia! (em breve)

Outros posts da série Que Não Falte Malte na Terra da Rainha

1. Introdução: http://goo.gl/gP1Xll

2. Entenda o que são as Cask Ales http://goo.gl/gj6kXF

3. CAMRA: Saiba como 4 jornalistas ajudaram a preservar a cultura cervejeira do Reino Unido http://goo.gl/YzdgI2

4. Pubs Londrinos (Parte I): http://goo.gl/bgpb8r

5. Pubs Londrinos (Parte II): http://goo.gl/ZVt17w

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s